pokerstars

SEÇÕES

PIX: Weintraub chama Bolsonaro de cafetão e compara doadores a prostitutas

Bolsonaro enfrenta diversos processos na Justiça, incluindo investigações sobre crimes comuns supostamente cometidos durante seu mandato.

Antes abraçados, Weintraub e Bolsonaro agora vivem em guerra | Reprodução/Redes Sociais
FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

Abraham Weintraub, ex-ministro da Educação de Jair Bolsonaro (PL-RJ), fez críticas ferrenhas ao ex-presidente referindo-se a ele como "cafetão" devido a solicitação de doações em Pix para pagar multas recebidas por não usarmáscara durante a pandemia.

Em sua conta no Twitter, Weintraub, que foi nomeado ministro por Bolsonaro em 2019, também chamou os apoiadores do ex-presidente de "tchutchucas do centrão", acompanhando da imagem supostamente de uma garota de programa.

Leia Mais

Cabe sinalizar que recentemente Bolsonaro foi multado em R$ 377 mil pela Justiça de São Paulo por desrespeitar a lei estadual ao não utilizar máscaras de proteção facial durante um evento na Avenida Paulista em 2021, em meio à pandemia de COVID-19.

Diante disso, os deputados Bruno Engler (PL-MG) e Nikolas Ferreira (PL-MG) foram às redes sociais na última sexta-feira (23) pedir contribuições financeiras para ajudar o ex-presidente a pagar as multas em questão.

Nas últimas semanas, Bolsonaro teve valores bloqueados para quitar multas relacionadas ao não uso de máscara em São Paulo durante a pandemia, quando o uso era obrigatório.

Após deixar a Presidência, Bolsonaro passou a receber rendimentos mensais superiores a R$ 86 mil, que incluem salários de presidente de honra do PL e aposentadorias de militar e deputado.

Além das multas decorrentes de processos judiciais, o ex-presidente está sendo julgado neste mês pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em um processo que poderá resultar em sua inelegibilidade por oito anos. O julgamento teve início na última quinta-feira (22) e deve ser concluído nesta semana.

Bolsonaro enfrenta diversos processos na Justiça, incluindo investigações sobre crimes comuns supostamente cometidos durante seu mandato. Com o fim do mandato, as chances de responsabilização aumentam, mas as ações criminais ainda estão em estágios iniciais de investigação, o que não permite prever condenações ou prisões a curto prazo.

O ex-presidente também é alvo de processos na Justiça Eleitoral que podem torná-lo inelegível. Os pedidos de impeachment perderam validade após ele deixar o cargo.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
pokerstars Mapa do site