pokerstars

SEÇÕES

Ex-lutador ficará com aparelhos apesar de morte celebral

Ex-boxeador levou tiro no rosto em atentado ocorrido em San Juan, Porto Rico.

FACEBOOKWHATSAPPTWITTERTELEGRAMMESSENGER

O ex-boxeador porto-riquenho Héctor "Macho" Camacho, baleado na cabeça na terça-feira, continuará conectado aos aparelhos que mantêm sua vida, apesar do diagnóstico de morte cerebral, informou seu filho, o também pugilista Héctor "Machito" Camacho.

"Será até quando Deus quiser. Nós temos fé que possa permanecer vivo. É uma decisão final e firme", disse "Machito" à imprensa após visitar o pai no Centro Médico de Rio Piedras, para onde Camacho foi levado depois de receber um tiro na cabeça em Bayamón.

O ex-campeão mundial teve a morte cerebral oficialmente declarada na manhã de quinta-feira.

Camacho foi baleado na terça-feira em um confuso incidente na estrada PR-167, perto de um centro comercial de Bayamón, quando estavam em um carro dirigido por um amigo, Alberto Yamil Mojica Moreno, que morreu na hora.



Participe de nosso grupo no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link


Tópicos
pokerstars Mapa do site